Lua de Mel - Violet Winspear


Esse foi o meu livro escolhido para ler na brincadeira literária Maratona de Banca em fevereiro.

O tema do mês engloba livrinhos que possuem protagonistas estrangeiros: gregos, franceses, italianos,... Geralmente, nos romances de banca, eles possuem características comuns: arrogantes, dominadores, desconfiados e ricos. É aqui que encontramos a maioria dos livros no mote "chantagem". Homem poderoso e cruel chantageia moça ingênua para ser sua amante ou em alguns casos... esposa.

Lua de Mel, 258 páginas da editora Nova Cultural, não foge da regra. Renzo Talmonte é um conde italiano. Forte, influente e com sede de vingança. Sua ex-noiva, Angélica, o largou para fugir com seu irmão. Então, ele resolve descontar na irmã ingênua e pudica da vilã, Geórgia.

Texto:

- Não posso negar que minha intenção quando a forcei a casar-se comigo, além de mostrar àquela traidora que eu não sofria ao ser deixado de lado, era ter em minha cama uma cópia perfeita na qual me vingaria. Meu objetivo principal se resumia em destruir por completo a sua inocência e pureza para torná-la igual a todas as outras: vaidosas, corruptas, prisioneiras do luxo e dos impulsos de seus corpos. Jurei que iria degradá-la, transformando-a numa criatura tão vil e desprezível quanto Angélica!

Bem, eu não gostei muito do livro. Acredito que seu principal problema é que ele é datado. Publicado em 1987, mostra uma grande preocupação na virgindade da mocinha. A primeira etapa de vingança de Renzo é possuí-la sexualmente, e isso até teria seu apelo se o livro fosse hot como as publicações do Ellora's Cave, mas com um texto dos anos oitenta, ele consegue só um "mormacinho".

Sinopse:

Sedução com sabor de ódio e gosto de prazer...

No luxuoso Rolls-Royce que a conduzia a lua-de-mel na paradisíaca praia de Sandbourne, Geórgia fitava disfarçadamente o perfil de seu marido. Como duas safiras, seus olhos faiscavam de ódio e ressentimento e não viam os belos traços que encantavam as mulheres, nem os cabelos negros e brilhantes ou a boca sensual de Renzo Talmonte. A seu lado estava um homem sem escrúpulos, um chantagista impiedoso que a forçara ao casamento para executar uma vingança. A vítima era ela, mas os culpados verdadeiros, sua impulsiva irmã e o irresponsável irmão dele, que haviam fugido juntos, deixando para trás um noivo apaixonado, ficariam impunes.

Furiosa, Geórgia se perguntava por que deveria pagar pelos pecados alheios, unindo-se a um homem que desejava destruir tudo à sua volta para aplacar a ira de ter sido traído. Foi nesse instante que ela decidiu frustrar aquele plano de vingança: jamais daria a Renzo seu corpo ainda virgem de carícias. 

Abaixo a capa em inglês.

Photobucket

Cotação:
Photobucket

Photobucket

5 comentários:

  1. Realmente, esse mote já é bastante corriqueiro... Mas eu nunca li nenhum pela nova cultural, como sendo Clássico...
    Pena que você não gostou!
    Bjus,
    Náh

    ResponderExcluir
  2. Poxa nunca tinha visto um 2 estrelas aqui, ainda mais num livro que eu achava que era ótimo, pelo mote, eu achaava que era um livro tipo novela mexicana, pena!
    Porém se ele fizer ela sofre bastante, humilhar eu vou ler, kkk
    Momento Leninha masoquista, kkkk

    ResponderExcluir
  3. te indiquei para o Meme literário, dê uma olhadinha.
    bjbjbjb

    www.omniavincitamors2.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Parece um tema muito comum. Gostaria de ver um livro com o protagonista inverso para variar.
    Mulher, rica, poderosa, dominadora e super-ultra-mega linda acabando com a vida do mocinho bobo e frágil... kkk

    ResponderExcluir
  5. Gostaria de mais indicações de suspenses românticos.Adorei todos que tu inducaste. Adoro Sandra Brawn mais li todos dela. Algum lançamento à vista?

    Grande abraço

    Guiga

    ResponderExcluir

Apoio

Seguidores